Curcuma: o que é, os seus benefícios e como o tomar

Há um grande número de plantas e ervas que são extremamente benéficas para o nosso organismo. Uma delas é o curcuma, uma planta medicinal com inúmeros benefícios para a saúde. Descubra aqui tudo sobre as propriedades e usos desta especiaria exótica.

O que é o curcuma

O curcuma é um produto derivado da raiz de uma planta com o mesmo nome. Pode ser encontrado em várias formas, mas é mais comum encontrar-se na forma em pó como especiaria.

Destaca-se pela sua cor amarelo vivo, razão pela qual é frequentemente utilizado como corante. Como especiaria pode ser utilizada pura, embora também possa ser encontrada como um dos principais ingredientes em caril. Veja este post sobre as propriedades da canela, outra especiaria exótica que conquistará o seu paladar.

O ingrediente activo encontrado no curcuma é a curcumina e tem muito boas propriedades sanitárias. De facto, é frequentemente utilizado como ingrediente em alguns medicamentos tradicionais feitos em locais como a Índia.

Actualmente, muitos estudos estão a ser realizados para provar que o curcuma pode ser utilizado para tratar uma variedade de condições. De facto, muitos peritos afirmam que se trata de um analgésico poderoso.

Vantagens e contra-indicações do curcuma

Propriedades do curcuma

O curcuma é um produto que tem muitos benefícios para o corpo. Abaixo, vamos falar um pouco mais em profundidade sobre as propriedades que tem para oferecer.

Benefícios do curcuma

Estes são 4 dos principais benefícios que o curcuma lhe pode oferecer. Seleccionámos os que consideramos serem os mais importantes de uma lista enorme.

1. propriedades anti-inflamatórias

O curcuma é um produto que há muito é utilizado para tratar inflamações. Esta é uma propriedade obtida graças à curcumina. De acordo com alguns estudos, é mesmo provável que seja mais eficaz do que alguns medicamentos comuns.

Há muitas doenças que a curcumina pode ajudar a tratar. De facto, é muitas vezes uma boa escolha para o tratamento natural e eficaz de doenças crónicas. Por exemplo, tem benefícios no tratamento de doenças como a artrite.

2. Ajuda a proteger contra doenças cardíacas

De acordo com alguns estudos, a curcumina pode ser benéfica para a saúde do coração e assim prevenir doenças cardíacas. 

Isto porque se descobriu que melhora a função endotelial (uma membrana que é importante para a regulação da pressão arterial). Esta função declina com a idade, ou seja, à medida que se envelhece, tende a deixar de funcionar correctamente. O consumo de curcumina tem demonstrado ajudar a abrandar o declínio.

3. A curcumina pode ajudar a prevenir certos tipos de cancro

Uma das propriedades mais interessantes da curcumina é que ela pode ser uma excelente aliada na prevenção do cancro. Embora possa não parecer, este produto é capaz de retardar a propagação das células cancerosas nas doses certas.

De acordo com especialistas, verificou-se que a curcumina pode mesmo contribuir para a morte das células afectadas. Tem-se até falado nisso, possivelmente ajudando a prevenir a formação de tumores.

É por isso que este é um produto que está em constante estudo, uma vez que os seus benefícios ainda estão a ser avaliados. No entanto, os resultados até agora têm sido bastante encorajadores.

Descubra para que serve o curcuma e como tomá-lo

4. Alivia sintomas de osteoartrose

Outro benefício que a curcumina pode proporcionar é o alívio dos sintomas da osteoartrite, graças às suas propriedades anti-inflamatórias. É por isso que tem sido estudado como um possível tratamento para esta doença.

Contra-indicações ou efeitos secundários

O curcuma é um excelente produto, como já mencionámos, no entanto, também pode ter alguns efeitos secundários.

Por exemplo, pode fazer com que algumas pessoas se sintam mal do estômago. Pode também estimular as contracções em mulheres grávidas.

No entanto, isto não significa que todas as pessoas irão sofrer destes sintomas, pois isto é algo que depende do organismo de cada pessoa. Além disso, sendo um produto natural, a possibilidade de sofrer quaisquer efeitos adversos é reduzida, embora isto não signifique que eles não existam.

No entanto, recomendamos sempre que antes de consumir um produto regularmente, se tiver quaisquer dúvidas, consulte previamente o seu médico.

Como tomar curcuma: utilizações na cozinha

Há várias formas de consumir curcuma. Estes são os mais populares:

Cúrcuma em pó

O curcuma é uma excelente especiaria, uma vez que dá um bom sabor e cor aos alimentos. É utilizado principalmente na alimentação oriental, embora tenha vindo a tornar-se cada vez mais popular no Ocidente.

Suplemento de curcuma

Outra forma de consumir curcuma é como um suplemento dietético. Isto vem normalmente sob a forma de comprimidos ou cápsulas concentradas que fornecem a quantidade que o seu corpo deve consumir para colher os benefícios.

Infusão de curcuma

Em muitos lugares, o curcuma é normalmente consumido como infusão, pois sob a forma de chá é possível tirar o máximo partido das suas propriedades. É frequentemente combinado com outros ingredientes, como o gengibre, para melhorar os seus efeitos. Se quiser saber sobre outras infusões com grandes benefícios para o corpo, não perca o nosso post sobre as propriedades do Chá Matcha. 

Óleo de curcuma

Finalmente, outro uso popular do curcuma é como óleo tópico. Isto é normalmente utilizado directamente na pele e tem um efeito anti-inflamatório que reduz a dor. Outro óleo essencial para uma tez perfeita é o óleo de amêndoa. Convidamo-lo a ler o nosso artigo sobre o assunto.